A enfermeira que foi para o hospital de transparente | O porque que ela fez isso? confira! - JNnotícias

Publicidade

Ultimas

AdCash

adcash Confira

sábado, 30 de maio de 2020

A enfermeira que foi para o hospital de transparente | O porque que ela fez isso? confira!


A enfermeira que foi para o hospital de transparente 

sobre a enfermeira Nadia que utilizou biquíni para tratar pacientes de covid-19



 Em março de 2020 o mundo começou a viver uma das maiores pandemias que já existiram na história, e essa pandemia tem causado diversos transtorno para poder ficar em casa nessa quarentena as empresas essenciais continuou a funcionar, e as pessoas que mais estão sofrendo nessa pandemia são as pessoas que trabalham na área da saúde médicos enfermeiros estão tendo dificuldade em ver sua família, pois afinal de contas podem se infectar com coronavirus, ou talvez ele possa passar para alguém da família.
 Então por conta disso eu tenho enfermeiros que já sem ver ninguém da família, e as roupas que os intervalos estão tendo que usar são roupas quentes e apertadas. 

A enfermeira que cometeu o erro da roupa transparente 



 O caso: Nádia é uma enfermeira russa de 23 anos de idade que trabalha no Sine hospital que fica na cidade de Itu lá na Rússia, a enfermeira nádia está tendo que utilizar roupas que estão sendo muito quentes, é logo na época que chegou o calor na Rússia as roupas que os enfermeiros usam para tratar os pacientes fazem muito calor, por conta disso a nádia então decidiu fazer uma coisa já que ela usa a roupa de contenção então na cabeça dela ao invés dela vestir o jaleco branco como normalmente veste, ela decidiu ir trabalhar de biquíni Houve um erro muito grande nessa concepção dela porque a roupa de contenção era transparente que ela não percebeu e foi trabalhar, mesmo assim ela trabalhava na ala masculina de tratamento do covid-19. 

 É óbvio alguns homens começaram a tirar fotos, é um desses pacientes pegou a foto e enviou para um grande veículo de Notícias e deu o que aconteceu, é a noticia foi muito forte que saiu em todos os lugares e obviamente o hospital teve que tomar uma atitude, eles até mesmo prestar uma queixa no hospital. 

 Enfermeiros médicos estão passando por um dos momentos mais difíceis da história, e diz o seguinte devem se lembrar de necessidade de cumprir as exigências de vestimentas sanitárias e aparência ainda não adicionar, e a pessoa que fotografou a enfermeira nádia pode ser presa por que era proibido ta com smartphones ou com que celular que seja dentro da ala de tratamento para covid-19, isso tudo porque se o paciente Se Curar e depois sair com celular ele pode levar novamente ou infectar outras pessoas Então por conta disso estava proibido o uso de celular na ala de tratamento e essa pessoa pode ser presa por até 3 anos. Na opinião muitas pessoas é só passar álcool em gel no celular que a gente passa na mão provavelmente a funcionar no celular.






Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

Confira